A lei deve ser cumprida

Para andarmos no caminho da vida precisamos compreende-lo, pois se não o compreendermos não daremos um só passo, é um caminho interno e também um caminho radical, mas só passa por ele quem realmente quer chegar à próxima e definitiva fase da vida. Em uma de suas definições a palavra caminho nos diz: sentido, jeito, maneira, portanto é preciso visualizar, enxergar o caminho que nos leva a vida, o único caminho, bem como seu condutor, e que este é feito de ações (abdicar, aniquilar, morrer e etc.), as quais damos nome de passos, temos então que traça-los, e como este caminho é interno devemos cumpri-lo em nossos corações, nos limpando e purificando de todo mal que nos cerca, e que foi plantado em nosso solo. Muitas histórias nos são contadas, de Homens que andaram por Deus, mas hoje estamos com o pincel nas mãos para deixar nossos rastros no papel, é uma batalha, mas assim como Jacó venceremos, e nosso nome será tão honroso quanto Israel. Uma magnitude excelente, inalcançável aos olhos terrestres, porém, visível aos olhos simples, aos olhos de quem se propõe a enxergar.

Não é difícil contemplar a sabedoria de Deus, só que para entender essa maravilha precisa-se inclinar o coração para o interno, pois é lá dentro que se vê o caminho da vida, e é lá dentro que trabalhamos tudo que deve ser aniquilado para não nos desviarmos do caminho da vida, mas para trabalharmos isto dentro de cada um, precisamos primeiro cumprir a lei que no momento mesmo sendo difícil, devemos cumpri-la, só  assim conseguiremos dar um passo à frente, isto é, se quisermos a nossa vida eterna. Precisamos buscar ajuda no senhor para que ele guie os nossos passos, ninguém aqui neste mundo nos dará a salvação, devemos realizar o propósito de Deus por ele e por nós, mesmo sendo difícil devemos buscar a melhor forma de passar por este caminho, um ajudando o outro a edificar a casa, uma casa que simplesmente começou por um terreno plaino, e por tempos e tempos foi se edificando até sua estrutura final, e o dono da casa é o construtor, Ele é quem sabe de sua casa, aonde ela foi edificada, em um terreno de terra firme ou em um terreno instável, ele quem decide como será seu último tijolo para finalizar sua obra, mas para isso só depende de cada um de nós, a decisão está entregue a cada consciência, fazer a vontade da carne e andar por ela, ou a vontade do Espírito e andar por ele até chegarmos ao céu, a tua consciência que decide, vida eterna, ou vazio eterno.

Portanto o caminho que nos foi revelado é este e não há outro, é um caminho real e de renúncia para que toda consciência gere o filho de Deus dentro dela, por isso a lei não pode ser atropelada, mas tem que ser verdadeiramente entendida, trabalhada dentro de nós e concluída. Lembrando que não basta chegarmos só no entendimento, mas temos realmente que praticarmos o propósito da vida dentro das nossas consciências.

 

Por todos os irmãos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − seis =

Categorias

Postagens Rescentes