A pior pessoa do mundo

A pior pessoa do mundo é você mesma, pois você ata fardos pesados para si mesma, impossíveis de carregar. Cada relação, cada sentimento, cada coisa que você faz, tudo isso acarreta numa carga impossível de carregar, impossível de suportar. Sabia que nós já temos um propósito para estarmos aqui neste mundo, não era para vivermos esta vida da carne, mas era para vivermos a vida do Espírito que Deus já nos assentou pela vida, e o Espírito disse assim por Jesus: aprendei de mim que sou humilde de coração, porque o meu fardo é leve e o meu jugo é suave. Quem aprende de si mesmo carrega o fardo pesado da incompreensão e do complexo de culpa, mas quem aprende do Espírito de Deus, anda em paz e feliz de dever cumprido.

Imagine, você veio ao mundo, descobriu a razão da vida, realiza a vontade de quem te criou e vai para a próxima etapa da vida, agora imagine do outro lado, você veio ao mundo, não sabe o que veio fazer aqui, descumpriu com o propósito do seu Criador e por fim ainda jogou a consciência que produziu no vazio eterno, e fora tudo isto ainda, carregou um fardo pesado desnecessário, andou a vida toda com complexo de culpa e viveu uma vida banal. A sua alma está jogada na lama, mas quem a jogou foi você mesma e para reverter esta situação vai depender de você mesma tirar a tua consciência da lama, lavá-la, purificá-la e entregá-la ao Espírito de Deus, como está escrito na lei: entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele que o mais tudo ele fará, mas se a tua consciência quiser andar por si mesma, vai passar a vida inteira se batendo contra os aguilhões e por fim ainda se lançar nos infernos.

A coisa estava tão fácil e olha só o que os Homens fizeram com o propósito de Deus e não é difícil de vermos o resultado, basta olharmos o mundo como está, pessoas se atropelando pelo caminho, uns querendo ser mais que os outros, e o mundo está um caos. Eu sempre disse: um lugar em que a miséria alheia é fonte de lucro, não pode ser bom. Você só se dá bem na vida se derrotar o seu semelhante, e isto é em tudo, principalmente nos esportes, enquanto um canta a vitória, o outro sofre a amarga derrota, e as pessoas ainda acham isto salutar. Enquanto uns levantam o campeão, outros consolam o derrotado, e você acha isto bom? Você acha bom um querer ser melhor que o outro, sendo que diante de Deus somos todos iguais? Busque rever os seus conceitos sobre o que é a felicidade, onde todos são irmãos e não adversários. Um mundo em que um busca derrotar o outro, busca a infelicidade do próximo, um mundo desse pode ser bom? Busque saber se você está entre os que buscam a felicidade do próximo ou se está entre os que querem derrubar o próximo.

O verdadeiro amor é sentir o próximo, sentir-se no lugar do próximo, se numa luta você for o próximo, você queria ser derrotado? O verdadeiro amor numa luta seria você comemorar a vitória do próximo e não a sua, desta forma você estaria fazendo a vontade do seu Criador, a tua consciência só estaria apta a entrar no reino de Deus quando ela conseguir ver o seu inimigo feliz, como nosso irmão Jesus que passando pelo caminho do gólgota, disse: Pai, perdoa estes porque eles não sabem o que estão fazendo. Jesus não tinha ódio em seu coração, mas o verdadeiro amor pelo seu semelhante, ele não olhava para si mesmo, mas olhava com amor ao próximo, por isso você carrega este fardo pesado nas costas, por não compreender o propósito de Deus e nem compreender o seu irmão.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário