Acervo do conhecimento

Noites em claro acordado para montar um conjunto de fatos e verdades, alguns foram até fáceis de entender, mas outros, porém, levaram um longo tempo para compreender. Podemos guardar dentro de nossas consciências infinitos conhecimentos, com quantidades inumeráveis de informações, mas a única informação necessária é sobre o que já temos em nossas mãos. Estamos neste mundo e ao mesmo tempo no meio da eternidade, descobrimos em nós um caminho profundo, de conhecimento, temor e verdade, um caminho que se cada consciência trilhasse, galgaria a eterna liberdade. É próprio de toda consciência armazenar conhecimentos, mas tudo desse mundo é passageiro e não levaremos nada para eternidade que está a nossa frente, mas saber o motivo de existirmos é o conhecimento principal, pois este, se praticado, dá vida a nossa alma eternamente. Por isso que o conjunto que integra o patrimônio racional de cada indivíduo, não deve ser encontrado em livros ou em pessoas, mas sim no Autor da vida que colocou seu espírito em nós sem medida, que nos dá o conhecimento e o que é necessário para as nossas consciências o enxergar e praticar a vontade Daquele que quis que fôssemos, pois estamos neste mundo somente por sua vontade e esse é o conhecimento que todas as consciências deveriam saber, pois do que adianta ter ciência de coisas passageiras, que deixará a alma vazia na eternidade? Por isso fomos alertados para juntar tesouros no céu, pois a grande sabedoria é que nossa consciência adquira a vida pelo espírito, que é a mão de Deus dentro de nós. Ele é nossa riqueza, a parte que nos completa, simetria perfeita, consciência e existência, plenitude que preenche deixando a alma repleta. Este é o começo do nosso acervo, dentro do pavilhão que nos cerca, o conhecimento é fundamental e perfeito, mas é a consciência serena que realiza as coisas da forma correta. Sendo sóbria a cada passo, sem desesperar o coração, mas tendo por base o senhor da vida e segurando firme e forte sua divina mão. É ele que bate o seu, o meu, e todos os corações, sua ação é simples e verdadeira, e com isto não se entra em questão, devemos apenas guardar seus ensinamentos em nosso acervo e segui-lo, pois, ele é a nossa salvação.

Somando nossas luzes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × cinco =