Agir

Agir, a resposta do silêncio, o que falta para alcançar o céu, sair do chão e voar, seria fácil, em palavras soa de forma natural, mas quando colocada no sentido literal de seu verbo, agir se torna quase inalcançável. De sua boca transborda um manancial de águas vivas, mas em suas ações só é visto os grãos de areia de uma fonte seca e deserta, ilusões, fantasias que a visita, assim colocando em sua cabeça que só o falar vai te salvar. Máscaras e mais máscaras, um conto em ruínas, e lá no fundo a vida pulsa, despenca das nuvens como que clamando, a água que purifica, limpa o coração e mostra a verdade. Quem teria coragem de transparecer seu eu? Basta abrir seus olhos do entendimento e enxergará, é como um espelho refletindo a si próprio, cada traço é visto. Realmente deve se ter muita coragem para querer se ver de verdade, se ver sem nenhuma maquiagem que possa esconder sua verdadeira tez, sem nenhum adorno ou palavras bonitas, apenas vendo-se e descrevendo-se como de fato és. É preciso determinação para mudar, mudar para a realidade, mudar para a verdade de Deus, parar com sonhos neste mundo e começar a buscar a salvação no Senhor, buscar com amor e pureza no coração, deixar as amarras para trás, esquecer as raízes que insistem em te acorrentar, começar a agir, é o que falta para se transformar, desvestir do velho e se revestir das vestes celestes, uma nova história e um novo rumo. Mudarei, me transformarei, estou fazendo força para essa mudança acontecer e sei que irei conseguir, estou agindo para que eu possa me transformar em um novo ser, outro nascimento. Uma nova história começou, e tudo o que almejo é minha paz verdadeira ao lado do meu senhor, do meu ser eterno, que me guia e me lumia, me molda em suas mãos, para que nos eternize em alianças em um casamento celestial.

 

Somando as luzes

Luiza e Luiz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis + cinco =