Batalha diária

A consciência é um campo de manifestação, é por ela que todas as coisas se manifestam e são, sem consciência nada é ou não tem importância de que seja, é a consciência que produzimos que dá valor e sentido a todas as coisas. Quando uma criança nasce, ela ainda não tem consciência de nada, e leva um tempo para este fruto, a consciência, apontar, e nós percebemos nitidamente quando este fruto vai se formando, como um fruto verde no pé, até quando ele é formado e maduro, mas como a consciência é um complexo manifestador de existência, ela vai se relacionando com as coisas deste mundo, que é onde ela foi produzida, só que estes relacionamentos são com outras consciências que também foram produzidas neste mundo. Daí entra a individualidade de cada uma, isto é, cada uma quer as coisas para si e ninguém vê o lado da outra. Cada consciência quer as coisas do seu jeito, e quer decidir o que é bom para outra consciência também, daí entra as diferenças, o que é bom para uma consciência não é bom para a outra.

Eu descobri uma lei universal para que as consciências vivam bem enquanto estão passando por este mundo, RESPEITAR AS DIFERENÇAS, mas ninguém se respeita e se atropelam umas nas outras, onde temos os conflitos diários que não acabam nunca. Ninguém sabe as batalhas que cada consciência tem dentro delas diariamente, muitas vezes uma coisa boba, mas que para a consciência é o gigante dela, fora ainda que tem a sobrevivência neste mundo, que passou a ser um peso para muitas consciências neste mundo, como o comer, o beber, o vestir, o morar, sem contar ainda com as coisas supérfluas como a vaidade e o luxo. Eu descobri o que seria a solução de todos os problemas humanos, sim, eu descobri a razão da vida, descobri que temos um Criador, e que existiu um motivo para Ele ter nos criado. Se todas as consciências entendessem o motivo pelo qual o nosso Criador nos criou e praticassem a sua vontade, a harmonia entre as consciências reinaria, pois, o propósito do Criador-Deus é um só para todos, fora ainda que resultaria na vida eterna da consciência lá no reino do céu pelo espírito, trata-se de um propósito sábio e já estamos dentro dele.

O Criador-Deus assentou uma porção do seu espírito em cada um de nós pela vida e já é este espírito que nos vivifica, e o propósito do Criador-Deus é justamente desligar a consciência da carne que a produziu e liga-la neste espírito pela vida eterna dela. Estamos falando aqui da razão de estarmos neste mundo, estamos apenas dentro da segunda fase da vida, já passamos por uma metamorfose dentro do ventre das nossas mães, onde éramos um espermatozoide e hoje somos seres humanos, mas lá a frente temos a terceira fase que é a espiritual, temos agora que passarmos por uma segunda metamorfose dentro da consciência, isto é, deixar de ser humano e passar a ser espiritual. Se todos estivessem realmente voltados para o propósito do Criador-Deus, acabariam todas as diferenças neste mundo entre as pessoas e o amor ao próximo estabeleceria, pois ninguém atrapalharia uma consciência no caminho da vida, pois ofenderia a Deus. Mas cadê que as consciências buscam entender o propósito da vida? Até que eu tento falar, mas me sinto o tempo todo falando com as paredes, porque não há entendimento.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 4 =

Categorias

Postagens Rescentes