De mim para mim mesmo V

Quando eu vi este tema, pensei: o que eu vou falar de mim? Mas parando somente uns minutos para raciocinar, percebo que não é difícil falar de mim, eu não tinha uma história para contar, pois vivi a minha vida toda vivendo o que as pessoas queriam para mim, eu andava os passos dos outros e não me encontrava, e assim eu fui vivendo até me descobrir de verdade. Ao me descobrir como consciência enxerguei muitas coisas que não enxergava antes, não raciocinava por mim mesma, e hoje eu não só raciocino como ando por um raciocínio lógico e verdadeiro, não tem como ninguém mudar isso que vejo por mim, pois decidida eu já estou deste caminho que descobri. A ligação que tenho com algumas pessoas, tenho trabalhado e pedido a Deus todos os dias para me desligar, e sei que tudo depende somente de mim mesma, pois ao me desligar não quer dizer que deixarei de amá-los, mas me desligarei da carne deles que já é algo morto, venho todos os dias na busca de morrer de verdade pela carne e nascer pelo espírito, pois meus irmãos, eu descobri o propósito de Deus e eu não quero simplesmente toda semana estar escrevendo um texto, mas eu quero andar pelo espírito de verdade, estar vivendo por ele, entregue verdadeiramente todos os dias como diz o meu irmão, não somente algumas horas, mas até o meu último dia neste mundo.

Por Jeane Reis

Deixe um comentário