Descoberta

O propósito do Criador Deus não se trata de um aprendizado, mas sim de uma descoberta, ele já está dentro de cada um de nós, basta a consciência enxergar do lado de dentro que ela verá que já está tudo lá, o espírito de Deus pela vida, o corpo carnal como criação, e a própria consciência, como produto da criação. Este é o quadro montado da razão da vida, onde temos um Criador, uma criação e o produto dessa criação. Seguindo a linha do raciocínio lógico, chegaremos a esta grande descoberta, onde o que uma criação produz deve servir quem a criou e não ela mesma, o nosso Criador disse até assim desse espírito que nos dá a vida: eis que Eu envio o meu anjo, que te guardará neste caminho, e te trará até este lugar que Eu vos tenho preparado. O anjo, como dito, é o espírito que já nos dá a vida, o caminho que ele nos guardará é enquanto estamos passando por este mundo, e o lugar que ele nos levará é onde Deus habita, ou seja, o reino dos céus. Isso não se trata de um aprendizado, mas de uma descoberta.

Descobrir a consciência como o produto da criação humana já é uma grande descoberta, é dar um passo enorme no caminho da vida.  O espírito de Deus já está dentro de cada um de nós pela vida e a criação todos a veem, é só colocar cada peça no seu devido lugar e realizar a sua função dentro do propósito da vida que o propósito de Deus estará concluído. O nosso corpo carnal vai morrer de todo jeito e sair de cena, só restará a consciência com o Espírito de Deus, que essa sim é a vida verdadeira, a vida plena, a vida que Deus já nos preparou. É uma grande tolice a consciência ficar ligada à carne, pois a carne deixará a consciência de todo jeito pela sua morte, é uma grande tolice achar que voltará a carne, uma vez morreu, nunca mais novamente. Todo esse propósito de Deus já está montado dentro de cada um de nós, basta a consciência abrir os olhos do entendimento que verá que já está tudo dentro dela e que não depende de ninguém para realizar o propósito da vida. Ninguém aprende isso em escola, mas se descobre em si mesmo.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =

Categorias

Postagens Rescentes