Enredo

Quando um autor escreve uma história, de cara ele apresenta todos os personagens dela, depois vem o que chamamos de enredo da história, que é a trama dela, os fatos que se sucedem, a narrativa, e por fim vem a conclusão… e eles viveram felizes para sempre… ou os bruxos e malvados foram para a cadeia ou morreram no final.

A história da vida é parecidíssima com isto, o escritor é o Autor da vida, e nesta história nós conhecemos bem quem são os personagens dela e os mocinhos e os vilões. Vilão tem de montão, que são os traficantes, empresários, políticos e o pior deles todos são os religiosos, estes não só escravizam a carne da humanidade, mas destroem as almas, jogando-as nos infernos, e as consciências insanas e devassas, acostumadas aos ardores dos desejos carnais, tendo comichões em seus ouvidos, se entregam a estes vilões do diabo de corpo e alma. São prostitutas mentais, que pelos desejos carnais coabitam até com o vento.

O propósito de Deus está ligado extremamente nas consciências, isto é, Deus criou todo este universo por causa da consciência que produzimos como criação, de todo este universo material que se vê, a única coisa que se tira dele para o proveito do propósito do Criador-Deus é a consciência que produzimos como criação, e é esta consciência que temos que trabalhá-la para o proveito de Deus, como disse o meu irmão Jesus. Paulo disse: e vós também, juntamente, sois edificados para a morada de Deus no espírito, isto é, nós devemos desligar a consciência da carne que a produziu e ligá-la no espírito de Deus pela vida eterna dela. Trata-se de um trabalho real para chegarmos a próxima etapa da vida que é a espiritual, já estamos dentro disso e não é o caso de a tua consciência querer ou não querer. Suponhamos que a tua consciência não queira realizar este propósito nela, tudo bem, mas ela simplesmente cairá no vazio eterno sem volta, porque nem voltou com o espírito a Deus e nem ficou com a carne que morreu.

Nós estamos falando de uma eternidade e não de depois eu vejo isto, estamos diante de uma verdade e de uma grandeza imensurável. O Criador-Deus sabe e eu também sei que as consciências foram produzidas ainda agora neste mundo, mas duas coisas que devo pontuar é que toda consciência tem o poder do raciocínio e tudo à nossa volta é muito complexo e sábio para sermos obras do acaso, e devido a isso, sabemos que somos criações e, portanto, temos um Criador e que com certeza houve um motivo para Ele ter nos criado, isto é, todo Criador cria visando o que a sua criação produz. E por reflexões profundas, descobri que o ser humano produz como criação a consciência das coisas, descobri também o espírito de Deus em mim pela vida, e que pelo propósito do meu Criador, Ele quer que eu produza consciência deste espírito e ande por ele. Esta é a minha história de vida neste mundo escrita pelo meu Criador, mas vejo que existem muitos vilões tentando me tirar desta trama.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 − 1 =

Categorias

Postagens Rescentes