Eureka

Vim de um inconsciente eterno e hoje estou no mundo para me libertar, subi montanhas, enfrentei leões até me encontrar e hoje sou mais um remido, me achei na vida e não vou perder esta única chance que encontrei a vida no amanhecer. Meus olhos foram curados com as águas que descem do céu e o que era penumbra tornou-se dia, este é o milagre da vida, a mão que rasga o véu, e o que para mim já fora desconhecido, hoje entendo, e ando neste caminho. Tudo se fez claro na minha mente, esqueci do meu passado, apaguei dos meus neurônios e hoje só me vejo daqui para frente, o passado já não me pertence mais, o fiz como lembranças apagadas, o que tenho é o hoje e construirei minha história com a diretriz que o Senhor me mostrou e traçou em meu coração.

Jamais vou me perder da vida depois que a encontrei, fiz-me um com o meu Senhor eterno, a terceira e definitiva fase da vida, venci mais esta etapa da vida, assim como Paulo que guardou sua fé e Jacó que não desistiu de ser abençoado, tornarei-me mais uma história viva que se eternizará com o Espírito que em mim habita. Se analisarmos a proporção de consciências que passam a fase seguinte da vida, temos mesmo que buscarmos a Jacó, Davi e Jesus, pois é uma ou duas consciências por cada geração, e a minha está entre elas, pois poucas são as que descobriram esta grandiosidade e menos ainda as quais cumpriram com a vontade de Deus. Eu descobri a luzerna infinda em minha alma, e a sinto reluzindo em meu jardim, sou campo que manifesta sua alva e sou espada orquestrada por suas mãos.

Eu hoje luto pelo propósito da vida aqui na Terra, tento levar este conhecimento às outras consciências para que elas também cheguem a esta mesma verdade e a próxima etapa da vida, para que juntas possamos fazer parte desse mesmo corpo Seleto que chamamos Deus. Que descoberta maior haveria, senão descobrir o porquê viemos, porquê existimos e porquê somos? Em meu coração carrego esta alegria de saber a verdade da vida.

 

Somando as luzes

Luiza e Zeca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − cinco =