Glória eterna

Eu vejo os ventos soprando para o Norte, alguma coisa eles tentam nos mostrar, pois é do Norte que Deus joga as suas pragas que assolam a Terra e ninguém pode escapar. Os reis da Terra ficam todos alvoroçados para ver quem manda para poder explorar, um mundo injusto que castiga os inocentes, são pessoas humildes que não tem a quem reclamar. Eu vivo aqui, mas sou liberto desse mundo, conheci o meu Senhor da salvação, ele desceu do céu e está aqui comigo, me tirou dessa maldita situação. Eu só espero o meu dia do juízo que com o senhor vou morar para sempre lá no céu. Não quero mais me ligar a nada desse mundo, para quem se ligar, o seu destino vai ser cruel. Os ventos do Norte me falaram tudo isso, agora se atente quem quiser para o seu bem. As pragas não vão dar nenhuma trégua, pois é a mão de Deus buscando seus fiéis. Ainda há tempo de buscar o teu espírito e se entregar a ele de todo o seu coração, andar por ele e fazer dele sua pessoa e só assim terá a glória lá no céu.

Já foi escrita a tua história neste mundo, é só seguir o teu caminho com o senhor, jamais se desvie do que ele te falar, que no amanhã ele te glorificará. Adeus para quem ficar com as glórias deste mundo, o tempo aqui não dá para desfrutar, são muitos sonhos que esta vida te oferece, e todos eles não terão como realizar.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =

Categorias

Postagens Rescentes