Histórias e histórias (Daniel)

Daniel se tornou um príncipe na Babilônia pela sua sabedoria, onde o rei requisitou alguns jovens de Israel que estavam entre os cativos, para que lhe servisse, e o rei gostou de Daniel por sua sabedoria e o colocou como administrador sobre cento e vinte e cinco províncias que pertenciam ao rei, para que ele não sofresse dano as cobranças de impostos, e Daniel era um jovem justo diante de Deus e diante dos Homens, tanto que o rei pensava em colocar Daniel sobre todos os sátrapas do rei, sobre todos aqueles que também trabalhavam na administração do rei. Só que os outros príncipes e os sátrapas eram extremamente corruptos e eles se reuniram para fazer uma CPI em cima de Daniel, mas não encontraram nada que pudesse o acusar diante o rei, no que eles viram que se jogasse Daniel contra o Deus dele, Daniel não iria, e eles deram uma festa para o rei Dario e o embebedou, e fizeram o rei assinar um edito que por trinta dias ninguém pudesse buscar Deus algum, a não ser reverenciar só o poderio do rei da Babilônia, e o rei assinou esse edito e eles espalharam esse edito por toda a cidade, e colocaram esse edito até na porta da casa de Daniel, e como de costume, Daniel buscava a Deus três vezes ao dia, e a punição para os transgressores seria joga-lo na cova dos leões, e certamente eles deixaram os leões com fome e já foram logo para frente da casa de Daniel.

Daniel como de costume, abriu a sua janela, se ajoelhou e começou a orar a Deus, de imediato os corruptos pegaram Daniel com testemunhas e o levaram diante do rei e o acusaram de transgredir o edito do rei, e o rei ficou triste, estava até pensando em bolar alguma coisa para tirar Daniel daquela situação, mas o próprio Daniel disse: não rei, cumpra suas ordens. E pegaram Daniel e jogaram na cova dos leões, e o rei disse: Daniel, servo do Deus Altíssimo, Ele te livrará da boca dos leões. No outro dia de madrugada, o rei foi o primeiro a ir na cova e gritar por Daniel: Daniel, servo do Deus Altíssimo, a quem tu continuamente serves; porventura Ele te livrou da boca dos leões? E Daniel disse: sim rei, porque Deus viu em mim inocência, porque eu não cometo delito algum nem contra Deus e nem contra ti. E o rei se alegrou muito e tirou Daniel da cova, e disse aos seus guardas: agora pega todos aqueles que jogaram Daniel na cova e os joguem na cova para ver se o deus deles os livrarão do mal, e jogaram os corruptos e a família deles, e antes de chegarem no fundo da cova, os leões já os estraçalharam e comeram suas carnes.

Falando hoje dessa história é muito linda, mas viver essa história como Daniel viveu, é de arrepiar os cabelos, eu busco sentir cada momento como se estivesse na pele de Daniel. Imagine passar uma noite inteira ao lado de leões ferozes, o que será que passava na cabeça de Daniel? Você dormiria numa noite dessa?

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − treze =

Categorias

Postagens Rescentes