Ligação

O grande problema que vejo nas consciências é a ligação que elas têm com a carne, ligações de sentimentos, tanto de prazeres quanto de doenças da alma, sentimentos que perturbam a consciência, que a própria consciência não queria tê-los. Sentimento de ira, de ciúme, de lascívia, de ambições, de vaidades e sentimentos semelhantes a estes. Toda consciência busca a paz, o amor verdadeiro, a temperança, a compreensão das coisas, toda consciência queria ser normal, sem preocupações desnecessárias. Esta vida da carne perturba muito as consciências, a carne é o faraó da consciência, é ela que escraviza a consciência o tempo todo e as consciências não conseguem sair dessa escravidão terrível, somente com a mão forte de Deus podemos deixar este Egito. É lógico que o faraó não vai deixar, mas o segredo é a consciência crer e se entregar verdadeiramente ao espírito de Deus.

O problema é que até hoje as consciências continuam dizendo: Moisés, lá no Egito éramos escravos na verdade, mas tínhamos o que comer, o que beber e o que vestir, mas o pão que você come hoje é um pão com dores, uma roupa velha, uma água salobra. Vamos andar comigo pelo deserto para você ver se vai faltar alguma coisa, o problema é que as consciências não acreditam em Deus, elas acreditam mais na força do seu trabalho do que na graça de Deus. Esquece a carne, esquece o Egito, esquece o faraó, que Deus abrirá o mar vermelho na sua frente, mas como colocar este sentimento do espírito dentro da consciência uma vez que todos os seus sentimentos estão na carne?

A lógica é trocar de corpo literalmente, a carne pelo espírito, mas se a tua consciência está ligada à carne, daí não tem como. Primeiro devemos trabalhar este lado, desligar a maldita consciência da carne, saber que a carne é uma existência provisória e que a qualquer momento te deixará na mão. Adquirir o sentimento de que realmente estamos dentro de um propósito sábio e que se este propósito for realizado na tua consciência, ela estará na próxima fase da vida. Temos que andar com o propósito da vida dentro da consciência o tempo todo, não viemos a este mundo para outra coisa. Tudo isto que você faz neste mundo fora do propósito da vida é inútil, a coisa mais sagrada a Deus é realizar o seu propósito e a primeira coisa é: o temor do Senhor é o princípio da sabedoria. Respeitar o espírito de Deus, este é o princípio, ele já está dentro de cada um de nós pela vida.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − três =

Categorias

Postagens Rescentes