Onde está o erro?

O espírito bate em sua porta, mas quem o ouve e abre a porta para que ele entre e faça em ti morada? O som da vida ecoa aos corações, instigando as consciências a ouvi-lo enquanto ainda toca, enquanto ainda pulsa, enquanto ainda há vida. Eu buscarei o cântico do bem-te-vi para alegrar a minha alma, para orientar o meu coração, para dar vida aos meus pensamentos, para restaurar meu coração, mas triste é ver que esta Terra está acostumada com uma agitação momentânea, por isso não gosta de ouvir a voz da verdade, e quando se depara com o som do silêncio, choca-se com a realidade, e me pergunto: o que somos sem a vida?

Do lado de fora o tempo é curto, mas dentro mora a eternidade, volte-se a vida para que ela encontra-te a tempo, pois chegar ao conhecimento e entendimento do propósito de Deus é espetacular, mas pratica-lo seria transcendental, prazeres eternos já lhe seriam próprios, e sua felicidade estaria ganha, então me diz uma coisa: você crê em Deus? Infelizmente não, a consciência não crê em Deus, ela crê em imagens que irá leva-la para o vazio eterno, tornou-se escrava de seus desejos, e faz qualquer coisa para obtê-los, mas não enxerga que quem se alimenta de sonhos não conhece seu fim, porque a mentira embriaga e turva aqueles que a consomem.

No deserto o Senhor estava com o povo, mas o povo não estava com o Senhor, e assim se tornou um ciclo triste até aos tempos atuais, e cometem atos inconsequentes por não terem uma consciência consciente. Até onde vão com suas loucuras? Se encontram nos becos e nas ruas. Falo da razão da vida, do propósito de Deus, e aqui em casa temos o que comer, o que beber e o que vestir, tanto pela carne quanto pelo espírito, e todos no mundo deveriam viver assim, sem preocupação e com a verdadeira paz no coração. O que deu errado? Nem Deus soube responder tal questionamento.

 

Por todos os irmãos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + um =

Categorias

Postagens Rescentes