Simplicidade

Tudo seria na simplicidade se as consciências fossem puras, pois o propósito da vida é simples e não seria difícil chegar a esta verdade de Deus, mas para isso as consciências deveriam raciocinar. Todos falam na simplicidade das crianças, na pureza, mas isso porque elas não têm maldade, afinal de contas acabaram de chegar a este mundo e não tem nada de mal em seu coração. Mas ao crescer, todos vão se sujando com as coisas mundanas, os pensamentos são só para o mal e a pureza vai ficando no esquecimento, a simplicidade não mais existe, mas a ambição começa a fazer parte do seu dia a dia. Cadê a pureza de um coração, cadê o amor, a simplicidade? Ficou rabiscada dentro do seu eu e começou a transparecer o ódio, a mágoa e tudo se fez trevas. Ninguém continuou com a pureza, com o bem dentro de si, mas começaram a plantar a semente do mal e foi proliferando a maldade e ninguém buscou a luz, a vida, mas foram todos atrás da morte.

Por isso, sempre falamos de cuidar das nossas consciências, cuidar com muito amor, pois a semente de Deus só habitará uma consciência pura, simples e que queira andar no caminho da vida.

 

Por Kátia Campos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 16 =