Sonham com a liberdade

Sonham com a liberdade, mas estão todos cativos cumprindo com sua sentença, buscam pelo perdão sendo réus decretado pela desobediência. Chegam a ser violados encarcerados, humilhados, estão em um estado deplorável, só se vê ódio no coração, vivem preso na própria ilusão. Sonham com a liberdade de ter uma vida regrada e digna, mas como ser livres, se eles mesmos se amarram nesta vida? Confundiram a liberdade com libertinagem e andam por aí, com uma vida dissoluta, vazia, não entenderam que a verdadeira liberdade se encontra dentro de si, era só virar a chave e raciocinar que enxergariam as coisas claras pelo entendimento e toda ignorância se dissiparia. Por que se prender às amarras, se você pode voar por aí? Se desprenda desse chão, quebre as correntes e enxergue um novo porvir, pense nisso e não fique a sonhar, porque a liberdade já mora no seu peito, basta você nota-la. Somente enxergando pelo entendimento que você desata todos os nós e sai da sua jaula interna e vem para a luz do saber, pois é ela que nos faz sermos livres e faz com que nada desse mundo venhamos à temer. Você aí, não seja escravo de si mesmo, seja livre como os pássaros a voar e repouse em paz em seu leito.

Por Ítalo Reis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × quatro =