Trinta e três anos

Olha o que Jesus disse a Deus com trinta e três anos de idade: eu glorifiquei-te na Terra tendo concluído a obra que me destes a fazer, agora glorifica-me tu ó Pai, com aquela glória que já está reservada desde o princípio do mundo; e rapidinho Jesus morreu neste mundo e foi para a glória eterna de Deus. Paulo também disse: acabei a carreira, guardei a fé e sei que a coroa da justiça me está guardada lá no céu, o qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia, e não só a mim, mas a todos que aguardarem a sua vinda. Moisés também disse: eis que estou para morrer e por certo depois da minha morte vocês desviarão do caminho do Senhor, porque se vivendo eu hoje ainda entre vós já sois rebeldes contra o senhor, quanto mais depois da minha morte? Dito isto subiu ao monte e desapareceu. Eu vejo que cada profeta, cada apóstolo, tiveram a sua missão neste mundo e terminada a missão partiram para a glória eterna.

Hoje, eu me sinto assim neste mundo, não vejo mais nada para fazer, o que tinha que fazer aqui, já fiz. Este mundo só me aborrece, não concordo com absolutamente nada daqui, e não adianta querer convencer ninguém o contrário. Vejo que sou eu que estou no lugar errado, o que tinha que fazer por Deus aqui, já fiz. A razão da vida me chamou atenção, fui atrás, descobri, realizei em mim, escrevi milhares de textos contando da razão da vida, falando dos problemas da consciência e particularmente não vejo mais nada a fazer por aqui, só aborreço a minha alma com o não entendimento das pessoas. Ninguém anda pelo senhor, mas só andam pelo o que ouviram falar, não veem as coisas pelo raciocínio lógico, mas acreditam no que a ciência diz. Tem astrônomo que fala que na nossa galáxia existem quatro bilhões de estrelas, outros já dizem que na nossa galáxia existem quatrocentos bilhões de estrelas. Uns dizem que têm estrela que está bilhões de anos luz da Terra, outros já dizem que são vinte anos luz. Em quem acreditar? Uns dizem que o universo se iniciou de uma grande explosão e que a vida é derivada de reações químicas. Então, cada um tem o seu deus, um deus moldado segundo o querer de cada um, certo é que todos morrerão na carne, mas saiu disso ninguém sabe mais nada. Uns dizem que vão ressuscitar na carne, outros vão cair no nirvana, outros vão reencarnar, outros acreditam que Jesus virá busca-los, outros vão com Alá, outros virão para cá, sem leis, sem princípio e não tem nada o que falar. Eu fico a pensar, o que estou fazendo neste mundo?

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − três =

Categorias

Postagens Rescentes