Um sermão profético

O medo se pôs atrás da porta, quem a abrirá? Chamaram os lamentos, as dores e os ais e eles choraram atrás da porta, mas ela não se abriu. Jogaram o defunto numa cova aberta e ele parou de gemer, não se ouvirá mais os seus lamentos por aí, fechou a boca aberta. Voltaram para casa os seus fiéis, choraram por uns dias a sua falta, mas se acostumaram com a ausência dos mortais, a vida segue a sua rotina, mas ninguém ainda descobriu o que tem atrás da porta, ninguém quer descobrir o que tem por detrás da porta, abre-se a porta, enterra o defunto e ninguém vê o que tem por detrás dela.

Eu fui curioso e subi ao céu, abri o véu e enxerguei a vida de lá pra cá, vi com o Autor dos céus e do universo que vê todas as coisas. Eu enxerguei com os olhos do Altíssimo, me sentei ao seu lado e conversamos sobre a vida. Ele já me mostrou tantas coisas novas que não mostrou a ninguém desse mundo, volta e meia volto lá, me sento ao seu lado e nos pomos a conversar, falo das dificuldades que é pregar o seu evangelho na Terra, e Ele me diz: por enquanto deixe como está. Eu me entristeço, mas tenho que seguir as suas ordens, volto a deitar em meu quarto, choro a perda das almas que descem as covas com seus defuntos. Descobri o que tem por detrás da porta, e descobri também o medo que todos têm, o vazio do nada, mas tem também o Senhor da vida, se todos perdessem o medo de abrir a porta, veriam o Senhor da vida. A vida e a morte caminham juntas até o juízo final, depois se descobrirá por quem a tua alma andou, se com o Senhor da vida ou com o senhor da morte, é isso que vejo hoje com o Autor da vida.

Tenho todo acesso, porta aberta para tratar do propósito da vida com o Autor dela, converso com o Autor da vida sobre o seu propósito como converso com qualquer pessoa sobre os seus projetos de vida. Aconselho as consciências que estamos dentro de um propósito sábio, e que se este propósito for realizado em nossas consciências às levarão a próxima etapa da vida. Trata-se de um projeto do Criador-Deus e é com este projeto que as nossas consciências devem se envolver, o projeto do Criador dos céus e do universo. Imagine nós estarmos envolvidos com o projeto do Criador de todas as coisas? Inclusive este nosso corpo carnal foi criado por Ele, e o que produzimos como criação, a consciência, é que serve para o seu propósito. Imagine a tua consciência estar dentro do propósito do Autor da vida? Mas deixa quieto, ela não quer ver o que tem por detrás da porta.

Por O teu espírito diz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − um =

Categorias

Postagens Rescentes