Vasculhar meu interno

Fui em busca das descobertas dentro de mim, vasculhei sem temer o que enxergaria, no entanto encontrei coisas que não queria, mas se deparar com a realidade nua e crua é espelhar a verdade como deve ser. Acrisolei-me nas águas da verdade, não tive temor, mas senti cada gotícula dos céus trazendo-me leveza e eliminando todas impurezas e dor. Busquei a minha cura, ela já estava atracada aqui, foram doses certas de entendimento para eu enxergar o que de fato havia em mim, não hesitei em nada e me mantive focado, certo do que vejo, porque confio no processo e deixei meu Senhor me guiar. Questionar nunca esteve em pauta, reclamar do processo não vai mudar a transição, pular do barco é para os fracos, que não retém com a vida em seu coração. Imagine, me senti submerso nas ondas do meu mar, fui mergulhando sem medo até as profundezas para ver como estava o meu abissal, e pude perceber e tirar tudo que não pertence ao Senhor. Purificar é um trabalho minucioso que requer de mim toda atenção, percepção, e sabedoria, o caminho é assim e vai afunilando a cada dia, realmente só passa pelo processo quem suporta as aflições, quem tem por certo a vida eterna e tem coragem para atravessar esse deserto sem murmurações. Por isso abri minhas portas para entrar as águas que vem do céu, elas refrescam minha alma, me faz ver todas as coisas, me purifica para rasgar este véu. Ela é a fonte vital para minha consciência, ela me inunda para que nada fique encoberto ou obstruído por nada desse mundo, ela quem curou toda cicatriz que um dia foi cauterizada por todo engano. Não há coisa melhor para minha consciência do que ela se pôr a mergulhar, enxergar a mim mesmo para caminhar firme, e tirar todos os atributos que um dia me ligaram a este mundo. É interessante isso, mas estou falando de uma purificação, quem não levar com seriedade e compromisso terá a paga que merece, pois se tornar omisso a verdade de Deus é se autocondenar, é decretar seu destino sem ao menos caminhar.

Por Ítalo Reis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + três =