Novo nascimento

Nestes tempos percebi que enquanto o coração não sentir a vida em si, nada acontece, talvez com a minha boca fechada eu fale mais do que com as minhas argumentações, pois a própria consciência é quem deve ter repulsa pela carne, calar sua boca, negar seus desejos e tirá-la do trono que pertence ao Rei. A correção não se faz com as palavras, nem em escritos, muito menos no que sente, é aqui dentro que me corrijo, é no tribunal diante do juiz, que confesso meus pecados, é no coração que sou julgada pelo martelo da justiça de Deus, portanto enquanto não ouvirmos e obedecermos a voz do espírito, não andamos no caminho da vida,  enquanto buscarmos a nossa paz no lugar errado só nos afundaremos cada vez mais na angústia, e enquanto não entendermos a verdadeira compreensão ficaremos parados, e por tudo que falamos e pelo que vemos, verdadeiramente o que é amar a Deus sobre todas as coisas?

Somente uma consciência racional compreende o significado do verdadeiro amor, pois é trilhando o caminho traçado por Deus que se encaixa o sentido da verdade da vida. Já se imaginou, subir com a vida os degraus antes que a morte aconteça? Por isso não importa o quanto ande, só pare quando chegar. Busco a paz da alma, somente no Senhor, pois a paz do mundo é fantasia e ilusão, pois vemos claramente que quanto maior o status financeiro, menor será o sorriso verdadeiro. É preciso haver uma transformação de dentro para fora, e se autorrefletir para metamorfosear, pois, é muito mais fácil observar e avaliar a atitude das outras pessoas. Quem consegue se auto avaliar? Aceitar os seus erros e mudar o que incomoda na sua própria consciência sempre te tornará mais forte, não precisamos errar na trajetória para haver correção, somos dotados do raciocínio para vermos as coisas de antemão, e só calando a confusão do mundo que entendemos a voz do senhor, ouvir a voz do céu aquieta o coração contrito e afaga o que parecia perdido.

O lado externo canta alto, mas muitas vezes desafinado, não quero mais isto, e só saberei as sensações, os sentimentos que a prática traz, se a exercer e realizar a vontade do meu Criador em meu coração, e sei que nunca devo afrontar a Deus, mas sim obedece-lo em tudo que me tem falado, pois Ele quer o meu bem eterno, para que viva ao seu lado como seu Filho.

 

Por todos os irmãos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × um =